"Deixai os pequeninos, não os embaraceis de vir a Mim, porque dos tais é o reino dos céus." Senhor Jesus Cristo
Mateus 19:14
RSS

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Aula Bíblica na Escola

“Porque uma porta grande e oportuna para o trabalho se me abriu; e há muitos adversários” 1 Coríntios 16:9.
Alexandre é um adolescente de 14 anos, moreno claro e de uma boa aparência.  Ele está no segundo ano do ensino Fundamental I, portanto está fora de faixa.  Quando entrei na sala, ele ainda se encontrava fora de sala porque o recreio tinha terminado pouco tempo.  Na verdade era a primeira vez que eu estava entrando nessa sala e ainda não conhecia a turma.  Depois de me apresentar aos alunos e cantar dois cânticos de louvor ao nosso Deus, Alexandre entrou na sala e sentou-se em seu lugar. Na hora em que ia contar a Lição Bíblica cujo título era “Um Pastor Para Você”, ele levantou a sua mão perguntou:
- Tia, a senhora é crente?
- Sim, sou crente no Senhor Jesus – respondi.
- Então me deixa sair da sala?  Ele me perguntou.
- Por quê? Perguntei curiosa.
- Porque eu sou católico e não gosto de crente – Alexandre falou com sinceridade e percebi que ele não estava sendo rude comigo.
Falando com ele mansamente dei-lhe a seguinte sugestão:
- Vamos combinar uma coisa? Hoje você assiste a minha aula e se não gostar na próxima semana estará liberado – Tudo bem?
- Tudo bem – Ele disse sorrindo para mim.
Contei a lição bíblica orando ao Senhor para Deus tocasse no coração daquele jovem rapaz.  Ao falei do amor de Deus, notei que ele escutava com prazer e ficou atento até final da aula. Quando terminei de arrumar todo o material e estava pronta para ir sair, perguntei-lhe:
- E aí Alexandre gostou da História da Palavra de Deus?
- Sim, gostei demais – respondeu um pouco envergonhado.
Desde aquele dia, ele sempre ficava na sala e cooperava comigo quando alguém queria atrapalhar com brincadeiras ou com conversas paralelas.
Assim como Alexandre, muitas crianças  vem de lares  onde os pais são separados ou são maltratados e tudo o que eles precisam é de alguém que se importe e que leve as Boas Novas de Salvação. 
Para Pensar:
Você já pensou em quantos meninos e meninas existem no mundo inteiro onde os lares estão nessa situação? Os maus exemplos dos pais têm contribuído bastante para as crianças entrarem no mundo das drogas. Sei que nós não podemos fazer muito, mas, podemos orar.
Ore pelas crianças que são atacadas diariamente pelo inimigo e peça a Deus que mande mais obreiros para evangelizar as crianças nas escolas públicas.


Darlene Alencar Oliveira

4 comentários:

Karen Rachel disse...

Liiiiinda essa história - AMEI!!!! E melhor que é um caso REAL!!!!

Solitario disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jeferson Santos disse...

historia maravilhosa, e que isso nos chame atenção para levar o evangelho

Maicom Santiago disse...

e bom de mais servir a Deus

Postar um comentário